Home Nunca esquecer Freguesia Juntas de Freguesia
Juntas de Freguesia PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Delfina   
Terça, 26 Janeiro 2010 14:55

Juntas de Freguesia - Desenvolvimento da Freguesia ao longo dos anos

1840 - Recenseamento de eleitores com a tríplice capacidade eleitoral nas 23 freguesias do concelho e reportado a 1840 (a)
 

(...) Cebola(casegas) 1-27; 2-1;3-0 (b)

1856 - Contigentação Militar por Freguesia:(a)

(...) Cebola - Nº de Recrºs - 25

1872 - Prior de São Jorge de Cebola: Reverendo Manuel Duarte Padez, representou a freguesia na reunião Camarária de 10 de Junho de 1872

Guardas Rurais: Manuel Giraldes Tecelão; João da Benta; Manuel Bernardino e Joaquim da Fonte. Aprovados em reunião camarária de 18 de Julho de 1872

1873- Regedor - António Baptista Júnior
 

1887 - Acta da Sessão Ordinária do dia 27 de Abril de1887, " A Câmara informou que acha conveniente e de toda a justiça" a pretensão da comissão, em representação do Povo de Cebola, de solicitar a desanexação de Casegas e a criação de uma freguesia civil, pois "... Cebola ter mais que o numero exigido por lei para a renovação dos cargos paroquiais".

 16 de Junho de 1887, decretada a desanexação de Casegas e publicado no D.G.nº 135, de 21 de Junho

1887- Regedor da Freguesia: Joaquim Monteiro

Em menos de um ano foi eleita a Junta da Paróquia (Freguesia). Porquê? Porque
em 16/Maio/1888, aparece a Junta da Paróquia de Cebola, com as demais Juntas, numa acção reivindicativa comum:

"Reivindicam que a sede do facultativo (médico municipal) nomeado pela Câmara, deve ser no Paúl e não no Tortosendo por se encontrar isolado do sul do concelho." (a)

1937- Presidente: Alexandre Freire Baptista; Secretário: José Francisco Baptista; Tesoureiro: Abílio Nunes Pacheco.

1942 - Presidente: José Quaresma Ventura; Secretário: Alfredo Branco Monteiro; Tesoureiro: Eduardo Pereira de Campos

Início da construção do Cemitério novo.

1946 - Presidente:Augusto de Almeida; Secretário: Alfredo Mendes Pereira; Tesoureiro: Pedro Alves.  Neste processo eleitoral a lista que ganhou obteve 92 votos e a lista que não ganhou obteve 22 votos.
 Em Outubro de 1945, houve eleições para a Junta de Freguesia de Cebola. Concorreram duas listas:
Ganhou a lista composta pelos Srs Augusto Almeida (Presidente) e Alfredo Mendes Pereira e Pedro Alves (Vogais), obteve 92 votos.
A Nova Junta tomou posse em 8 de Dezembro de 1945, mas só iria iniciar os seus serviços a 1 de Janeiro de 1946.

Em 30 de Maio de 1946 foi aprovado o cemitério novo, pelo Delegado de Saúde da Covilhã e o Engenheiro Municipal da Câmara da Covilhã.

1951 ainda era Presidente da Junta o Sr Augusto de Almeida; Secretário:Alfredo mendes Pereira; Tesoureiro:Alfredo Antunes
Junta com fracos recursos.
Quando tomou conta do lugar, a anterior Junta entregou um pequeno saldo, porque "tinha gasto perto de 160.000$00 na construção do novo cemitério e em reparação de calçadas."
"Além disso , a nossa grande receita vem-nos do Imposto de Minas. Ora quando a Panasqueira trabalha, o imposto orça entre 15 a vinte mil escudos, mas nos anos de 1947 e 1948 , anos de paralisação, somente algumas centenas de escudos."
Mesmo com fracos recursos, o que conseguiu fazer a Junta até ao ano de 1950?

No dizer do Sr Augusto: "(..) Reparamos diversas calçadas, caminhos vicinais, muros, estrada, pontões; fizemos algumas escadarias, exploramos água para um fontanário, pagamos os projectos da nova estrada Panasqueira-Cebola e arruamentos dentro da Povoação e demos também um pequeno auxílio para a Casa Paroquial"
Os Projectos da construção da Estrada Panasqueira-Cebola e da rua central há 3 anos que tinham sido enviados para Lisboa .
De Cebola à sede de concelho em 1950 -60 km
Necessidades maiores da altura:

  • De uma boa estrada que ligue a Freguesia à sede do concelho.
  • Edifícios para funcionamento das Escolas Primárias
  • Arruamentos, Esgotos e Lavadouros
  • Luz Eléctrica e Telefone

Junho de 1952, foi instalado o telefone público em Cebola. Semelhante acontecimento foi presenciado por "imenso público". Na altura foram também instalados seis (6) telefones particulares.

1955- Presidente:Bernardo Gomes Monteiro; Secretário Pedro Ramos Covita; Tesoureiro: Pedro Alves

1959 - Presidente:Bernardo Gomes Monteiro; Secretário: Pedro Ramos Covita; Tesoureiro: Pedro Alves

1959 - Electrificação de Cebola.

1964 - Presidente: Pedro Ramos Covita; Secretário: José Matias Barata; Tesoureiro: Augusto Fernndes de Almeida

1968 - Presidente: António Fernandes de Almeida; Secretário: António Baptista Júnior; Tesoureiro Alfredo Pereira de Campos

1972 - Presidente: Carlos Baptista Pereira; Secretário: António Gregório; Tesoureiro: Joaquim Gonçalves Covita.

1975 - (Comissão Administrativa) Presidente: Bernardino Pereira dos Santos; Secretário: António Pereira; Tesoureiro: Alfredo Pires.
 

 1977 - Presidente da Junta de Freguesia (JF) António Gregório; Secretário: Augusto Manuel Alves; Tesoureiro: Bernardino Pereira dos Santos
12.12.1976,dia das eleições autárquicas, participaram na votação para a eleição da Assembleia de Freguesia 70,17% dos eleitores (962). A lista ganhadora (CDS) obteve 56,59% dos votos expressos.
 

 1980-Presidente da JF Herculano Branco Batista; Secretário:Augusto Manuel Alves;Tesoureito:José Brás Duarte.
16.12.1979, dia das eleições autárquicas, participaram na votação para a eleição da Assembleia de Freguesia 79,96% dos eleitores (1008). A lista ganhadora (AD) obteve 48.64% dos votos expressos.

Ano de 1982 - Presidente da JF  Herculano Branco Batista
12.12.1982, participaram na votação para a eleição da Assembleia de Freguesia 74,66% dos eleitores (1042). A lista ganhadora (AD) obteve 48,2% dos votos expressos.

 1986 - Presidente da JF Herculano Branco Batista; Secretário: Augusto Manuel Alves; Tesoureiro: António Ramos Branco
15.12.1985, dia das eleições, participaram na votação para a eleição da Assembleia de Freguesia 74,29% dos eleitores (1089). A lista ganhadora (PPD/PSD) obteve 45,86% dos votos expressos.

 1989 - Presidente da JF José Alves Pacheco; Secretário: José Augusto Saraiva; Tesoureiro: Alfredo Bernrdino
17.12.1989, dia das eleições, participaram na votação para a eleição da Assembleia de Freguesia 70,04% dos eleitores (1088). A lista ganhadora (PS) obteve 63,78% dos votos expressos.
No ano de 1991
Em 17 de Março de 1991 a freguesia foi palco de um "COLÓQUIO SOBRE DESENVOLVIMENTO REGIONAL E LOCAL"
Três presidentes de Junta ( São Jorge da Beira, Aldeia de S. Francisco de Assis e Sobral de São Miguel), subscreveram um documento que enviaram para diversos órgãos de poder, manifestando o descontentamento pelo abandono a que estavam votadas e reclamando da realização de algumas necessidades sentidas pelas populações. Transcrevemos as que mais respeito dizem a S.Jorge:
"-Reparação imediata das estradas de acesso na área geográfica de S. Francisco de Assis e S. Jorge da Beira.

Construção complementar do troço entre S.Jorge da Beira e Sobral de S. Miguel.

Ligação e asfaltamento nestas freguesias dos acessos ao concelho da Pampilhosa da Serra. (...)

Manutenção e melhor aproveitamento na assistência permanente do Hospital da Barroca Grande.

Assinatura do Protocolo entre o Centro de Saúde e a Administração Regional e a Junta de freguesia de S. Jorge da Beira para rentabilização da Ambulância existente nesta freguesia.

Deve a Câmara elaborar um estudo sobre as potencialidades existentes nas áreas referidas de modo a serem implementadas alternativas de emprego.

Aos serviços centrais e regionais da EDP manifestar o descontentamento pelas constantes avarias de electricidade exigindo a rápida alteração do fornecimento energético. (...)

1994 - Presidente da JF José Alves Pacheco; Secretária: Ilda Camba Pereira; Tesoureiro: Alfredo Bernardino.
12.12.1993, dia das eleições, participaram na votação para a eleição da Assembleia de Freguesia 61,58% dos eleitores (1075). A lista ganhadora (XI) obteve 55,44% dos votos expressos.

De notar que é a primeira vez que entra uma mulher para o governo da freguesia

1998 - Presidente da JFJosé Alves Pacheco; Secretária: Ilda Camba Pereira; Tesoureiro:Alfredo Bernardino
14.12.1997, dia das eleições, participaram na votação para a eleição da Assembleia de Freguesia 52,57% dos eleitores (1069). A lista ganhadora (PS) obteve 73,31% dos votos expressos.

 2002 - Presidente da JFJosé Alves Pacheco; Secretária: Ilda Camba Pereira; Tesoureiro: Alfredo Bernardino
16.12.2001, dia das eleições, participaram na votação para a eleição da Assembleia de Freguesia 60,06% dos eleitores (1044). A lista ganhadora (PS) obteve 56,45% dos votos expressos.

2006 - Presidente da JF Fausto Herculano Branco Batista; Secretária: Margarida Sofia Alves Gregório; Tesoureiro: Francisco da Silva Lisboa

09.10.2005, dia das eleições, participaram na votação para a eleição da Assembleia de Freguesia 58,00% dos eleitores (1000). A lista ganhadora (PPD/PSD) obteve 47,07% dos votos expressos.

2009 - Presidente da JF Fausto Herculano Branco Batista; Secretária: Margarida Sofia Alves Gregório Pereira de Moura; Tesoureiro: Francisco da Silva Lisboa

11.10.2009, dia das eleições, participaram no acto eleitoral 59,65% dos eleitores (912). A lista ganhadora (PPD/PSD) obteve 57,71% dos votos expressos.


(a)História da Covilhã (1800-1920), 1-Organização Jurídica e Administrativa, Delgado, Rui.

(b)quadro elaborado pelo Prof Rui Delgado na obra citada, com a seguinte significação:

"1-Eleitores e elegíveis para todas as eleições directas e serem votados para membros da Junta da Paróquia, Juiz eleito e propostos para regedores.

2-Os que têm censo legal para serem votados Vereadores, Juiz de Paz, Juiz Ordinário, e propostos para Administrador do Concelho.

3-Os que têm requisitos legais para membros da Junta Geral do Distrito."

- www.eleicoes.mj.ptwww.anafre.pt ; artigo do Prof Carlos para o concurso-cebola.net


 

 

Ultimos utilizadores

Artigos mais populares

Estatísticas